Os números impressionaram: 2.400 atletas de 46 países diferentes reunidos por seis dias em Anhui, na China. Este foi o maior evento do mundo de wushu (também conhecido como kungfu), que terminou nesta quarta-feira (29), após uma bela participação brasileira.  

 

Para esta sexta edição do World Traditional Wushu Festival, o país enviou uma equipe com 61 atletas. Dentre eles, veteranos que já tinham participado de até quatro edições e jovens que fizeram sua estreia. Os atletas competiram em Taolus (rotina) de Mãos e Armas.

 

Depois de tantas lutas, a delegação brasileira voltará para casa com a bagagem mais pesada por conta das 60 medalhas conquistadas: cinco de ouro, 20 de prata e 35 de bronze. Só os representantes de São Paulo, estado onde a modalidade é fortemente difundida, alcançaram 55 pódios.

O diretor técnico Renato Feijó ressalta que este evento é sempre uma oportunidade de aprendizagem, tanto para atletas quanto para técnicos e dirigentes. “Ao longo destes anos de participação, foi possível aprender muito com os organizadores, compreender melhor o ambiente de competição do Tradicional para melhorar, cada dez mais, nossos torneios nacionais. O evento, por ser no país de origem do wushu, o torna ainda mais importante para todos nós.”

GALERIA

Rua Henrique Dias, nº137, Ponte Preta, Campinas - SP.

Tel:(19) 3384-5456 / (19) 2117-7203

© 2023 by FPKF.